Fogos de artifício X animais: dicas para superar este trauma

cachorro_ouvindo_musicaFestas de fim de ano sempre trazem desconforto para os nossos amigos peludos, principalmente para os cães. Com seus ouvidos sensíveis, eles sofrem com a queima de fogos. O resultado é ferimentos nas tentativas de se proteger e fugas. Como muitas pessoas viajam ou vão para casa de parentes e amigos, muitas vezes nem vêm isso acontecer, ou pior, por estarem fora de casa, perdem de vez o seu pet – que foge num lugar desconhecido e não consegue mais voltar para casa.

Para ajudar os pais de cachorro, preparamos algumas dicas simples que podem ajudar a superar este momento difícil da melhor forma possível, garantindo um 2013 feliz para todos

Vamos às dicas:

– Não deixe seu pet sozinho em casa. Se você vai passar a noite de festa fora de casa, providencie um hotel ou deixe-o com um amigo ou familiar de confiança;

– Se houver tempo, consulte um veterinário e verifique a possibilidade de fazer uso de calmantes. Mas atenção: não confie 100% nos calmantes e não deixe seu animal sozinho!

– Se leva-lo com você para as festas, independentemente da distância, use placa de identificação. Se não houve tempo de providenciar uma mais elaborada, faça uma etiqueta simples, impermeabilize-a, mas não deixe de identifica-lo!

– Se ficarem em casa (ou se leva-lo com você), verifique o melhor ambiente para ele ficar: no qual ele esteja mais a vontade, e mais seguro;

– Cuide para não deixa-lo solto no canil, pois no desespero ele pode tentar escalar e se ferir;

– Se ele quiser entrar em casa, deixe. Uma boa dica é preparar um ambiente fechado com música alta constante. Isso vai deixa-lo cansado, mas vai distraí-lo durante os fogos;

– Se possível, fique com ele de tempos em tempos, tente acalmá-lo, converse, brinque, ninguém melhor do que o seu humano para tranquiliza-lo;

.

Muito amor e atenção, este é o melhor presente para o Natal do seu pet ser mais feliz!

Boas festas!

Anúncios